11/10/2010

CONDIÇÕES DE TRABALHO E SOLUÇÕES CIENTÍFICAS MARCAM ABERTURA DO 62º CBEn

62º Congresso Brasileiro de Enfermagem iniciou com sessão solene e os discursos das autoridades lembraram questões importantes para a categoria



Florianópolis recebe o 62º Congresso Brasileiro de Enfermagem, entre os dias 11 e 15 de outubro, no CentroSul. Com o tema principal “Organização e Visibilidade Profissional”, o evento foi aberto com uma sessão solene que contou com a participação de diversas autoridades da categoria e da área da saúde no Estado e no Brasil.

A anfitriã, presidente da Associação Brasileira de Enfermagem Seção Santa Catarina (ABEn/SC), Helga Bresciani, destacou a importância da troca e da relação entre os congressistas. “Mais do que o conteúdo programático, temos esse valor de acréscimo, onde as pessoas trocam ideias, experiências e dividem cultura”, disse, lembrando que o Congresso pretende subsidiar a construção de um projeto político profissional que garanta condições de trabalho adequado e um cuidado alicerçado na ética.

A presidente da ABEn nacional, Maria Goretti Lopes, comemorou a realização do Congresso com a presença de todas as representações da Enfermagem sentadas na mesma mesa. “Ganha a Enfermagem brasileira e ganha a saúde pública no Brasil”, disse. Ao destacar a presença das deputadas enfermeiras eleitas e citar os nomes das demais deputadas que também são enfermeiras e não puderam estar no Congresso, Maria Goretti sugeriu a criação de uma Frente Parlamentar em defesa da profissão. “Buscar soluções conjuntas para nossas reivindicações tem sido um compromisso constante da ABEn. Nossa gestão deu continuidade aos compromissos da entidade e elegemos como prioridade a regulamentação da jornada de 30 horas”, afirmou ela.

O secretário de Gestão, Trabalho e Educação em Saúde do Ministério da Saúde, Francisco Eduardo de Campos, representando o ministro José Gomes Temporão, lembrou da importância da construção do SUS e do envolvimento de todas as categorias para o bom funcionamento do Sistema. “Os profissionais de Enfermagem são aqueles mais anônimos, que acompanham todos os tipos de situações, das mais precárias e de cuidado com as pessoas”, destacou.

O secretário de Estado da Saúde de Santa Catarina, Roberto Hess, que representou no evento o governador de Santa Catarina Leonel Pavan, fez uma explanação das mais diversas funções e lugares em que a Enfermagem está presente, ressaltando que a profissão merece a visibilidade debatida no Congresso. “São vocês, valorosos profissionais, que transformam as políticas de saúde no mais estreito cuidado”, afirmou. O Secretário desejou a todos os participantes uma boa estada na capital de Santa Catarina.

O presidente do Conselho Federal de Enfermagem (COFEn), Manoel Carlos Néri da Silva, ressaltou a aliança entre os sindicatos, conselhos regionais e Federal e a Associação Brasileira de Enfermagem em torno das causas da profissão. Ele lembrou que o projeto que regulamenta a Enfermagem continua em disputa no Congresso Nacional. “Vimos os profissionais da Assistência Social terem aprovado o projeto que regulamenta as 30 horas, enquanto o projeto da Enfermagem tramita há vários anos”, lembrou, afirmando que “essa não é uma demonstração de falta de organização de nossa categoria, muito ao contrário, mas a Enfermagem luta com muitos e grandes interesses contrários”.

A pesquisadora Alacoque Lorenzini Erdmann, coordenadora da área de Enfermagem da CAPES (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior), afirmou que este evento servirá para alavancar novas iniciativas e estratégias que possibilitem práticas renovadas e provoquem mais pesquisa, mais cientistas na área de Enfermagem.

A deputada estadual Ana Paula Lima (PT/SC), enfermeira, reforçou a necessidade de a categoria propagandear suas ações e assim garantir o fortalecimento da profissão para ganhar lutas como a melhoria da qualidade das condições do trabalho e a redução da jornada de trabalho para 30 horas, uma reivindicação da Enfermagem em todo o país. A presidente da Federação Nacional de Enfermeiros e Enfermeiras, Silvia Casagrande, também ressaltou a importância do movimento pelas 30 horas e avisou que serão realizados seminários por todo o país para mobilizar ainda mais os profissionais, assim como haverá um ato em Brasília assim que a Câmara Federal retome os trabalhos após as eleições.

O vice-reitor da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Carlos Alberto Justo da Silva, lembrou que as coisas acontecem quando as pessoas se juntam e o que une as categorias é a saúde da população. O secretário de Saúde de Florianópolis, João José Cândido, representando o prefeito Dário Berger, deu as boas-vindas à Florianópolis e convidou a todos os participantes para conhecerem as belezas da cidade e também da sua gastronomia. Disse que queria “falar de amor” e do quanto a profissão da Enfermagem é um ato de amor ao próximo.

O representante do Conselho Nacional de Secretários de Saúde (CONASS), Renilson Rehen, em sua fala destacou o papel fundamental da Enfermagem na implantação de um serviço público de saúde com qualidade. Lembrou que a presença do profissional enfermeiro deve ser extramuros, junto às comunidades e que o papel do enfermeiro e da enfermeira está não somente no atendimento curativo, mas também na atenção primária, na organização e composição das equipes multidisciplinares e na gestão do SUS.

Após a sessão solene de abertura, ocorreu o lançamento da Feira Tecnológica e de Livros do CBEn, que reúne expositores de produtos, equipamentos e cursos de todo o país e vai realizar o lançamento de vários livros durante o evento.

MESA DE ABERTURA – À tarde, o Congresso terá a mesa de abertura, às 14 horas, com o tema: ENFERMAGEM: condições de trabalho para um fazer responsável, tendo como debatedoras Denise Elvira Pires de Pires, presidente do Conselho Regional de Enfermagem de Santa Catarina e Maria Henriqueta Krüse, do Rio Grande do Sul.




Clique no botão abaixo e imprima o seu Certificado On Line:

clique aqui


clique aqui


clique aqui
 
Fotos do Congresso
Para quem quiser adquirir fotos do Congresso ainda dá tempo. Basta escolher no próprio estande da empresa Imagem & Arte ou depois entrar em contato com a empresa pelos telefones (48) 3206.4938 - 9115.5284 e www.imagemearte.fot.br


clique aqui


clique aqui
 
Ouça aqui a entrevista da presidente da ABEn, Maria Goretti David Lopes, à rede de rádios de SC
Qualidade das faculdades e dos serviços de Enfermagem são discutidos em Congresso na Capital. CLIQUE AQUI »


assista: clique aqui


 
CONFIRA TODAS AS NOTÍCIAS VEICULADAS ANTES DO EVENTO
CLIQUE AQUI »


 
A solicitação das pessoas que tem interesse em ministrar Cursos e Oficinas no 62º Congresso Brasileiro de Enfermagem, deverá ser realizada, previamente, mediante o preenchimento do formulário (...)
Clique aqui e saiba mais »


 
A solicitação das pessoas que tem interesse em propor a realização de Grupos de Interesse no 62º Congresso Brasileiro de Enfermagem, deverá ser realizada, previamente, mediante o preenchimento do formulário (...)
Clique aqui e saiba mais »


 
Ajude a divulgar o 62º CBEn em sua cidade. Imprima abaixo as peças divulgativas:

baixar baixar
Folder » Cartaz »


 
A solicitação de lançamento de livros no 62º Congresso Brasileiro de Enfermagem, deverá ser realizada, previamente, mediante o preenchimento do formulário abaixo e envio do arquivo para o email:
eventos.go4@wincentraldeeventos.com.br


 
Win Central de Eventos: (62) 3241-3939
eventos.go4@wincentraldeeventos.com.br


 
aben eventos
   
 
62º CBEn - Congresso Brasileiro de Enfermagem